Top Time Triumph - A23311121C1X1
Top Time Triumph
Top Time Triumph
Top Time Triumph
Top Time Triumph
A23311121C1X1

Top Time Triumph

Outras versões

A história

O cronógrafo não convencional da Breitling, com o espírito descontraído de “café racer” da década de 1960. No início da década de 1960, as corridas automobilísticas estavam no auge e surgiram as “café racers”, dando origem a toda [Leia mais] O cronógrafo não convencional da Breitling, com o espírito descontraído de “café racer” da década de 1960. No início da década de 1960, as corridas automobilísticas estavam no auge e surgiram as “café racers”, dando origem a toda uma nova subcultura — motos extravagantes que transportavam os seus donos pelos cafés da moda. ​ Willy Breitling queria captar a paixão pela velocidade que se vivia na época com uma interpretação completamente nova do cronómetro. Eis que surge o Breitling Top Time, um cronógrafo não convencional que se tornou num sucesso imediato para homens e mulheres amantes do desporto motorizado e igualmente atraídos pelas proporções ousadas do relógio. ​ Atualmente, esse espírito descontraído da década de 1960 está de volta, numa espetacular colaboração Top Time entre a Breitling e a marca britânica de motos Triumph. ​ O grande destaque deste relógio é o mostrador azul glaciar, que reinterpreta de forma impressionante um motivo Top Time conhecido como o design “Zorro”. Geralmente, apresenta uma cor contrastante que emoldura os dois submostradores, fazendo lembrar a máscara do astuto espadachim — nesta versão, apresenta um acabamento escovado que cria uma radiante harmonia entre luz e textura. A invulgar cor azul glaciar é inspirada em duas emblemáticas referências de ambas as marcas: uma Triumph Thunderbird 6T azul, de 1951, e um raro Breitling Top Time Ref. 815 azul glaciar, da década de 1970. As suas características incluem botões fungiformes de grandes dimensões, que permitem controlar facilmente as funções de início/paragem e de reposição do cronógrafo. Uma escala de taquímetro de alto contraste permite uma excelente legibilidade dos registos de velocidade. A sóbria bracelete em pele bovina inspirada no mundo das corridas deixa o protagonismo para o herói — o mostrador — enquanto os logótipos da Breitling e da Triumph estão situados nas posições das 12 e 6 horas. Tal como no modelo original, o diâmetro de 41 mm ajusta-se na perfeição ao pulso de homens e mulheres. ​ Para os fãs da Triumph, o Top Time Triumph é um acessório indispensável, mas não se preocupe: para ter este atrativo exemplar, não tem de ser proprietário de uma das extravagantes motos da marca britânica. ​

O cronógrafo não convencional da Breitling, com o espírito descontraído de “café racer” da década de 1960. 
No início da década de 1960, as corridas automobilísticas estavam no auge e surgiram as “café racers”, dando origem a toda uma nova subcultura — motos extravagantes que transportavam os seus donos pelos cafés da moda. ​
Willy Breitling queria captar a paixão pela velocidade que se vivia na época com uma interpretação completamente nova do cronómetro. Eis que surge o Breitling Top Time, um cronógrafo não convencional que se tornou num sucesso imediato para homens e mulheres amantes do desporto motorizado e igualmente atraídos pelas proporções ousadas do relógio. ​
Atualmente, esse espírito descontraído da década de 1960 está de volta, numa espetacular colaboração Top Time entre a Breitling e a marca britânica de motos Triumph. ​
O grande destaque deste relógio é o mostrador azul glaciar, que reinterpreta de forma impressionante um motivo Top Time conhecido como o design “Zorro”. Geralmente, apresenta uma cor contrastante que emoldura os dois submostradores, fazendo lembrar a máscara do astuto espadachim — nesta versão, apresenta um acabamento escovado que cria uma radiante harmonia entre luz e textura. A invulgar cor azul glaciar é inspirada em duas emblemáticas referências de ambas as marcas: uma Triumph Thunderbird 6T azul, de 1951, e um raro Breitling Top Time Ref. 815 azul glaciar, da década de 1970. 
As suas características incluem botões fungiformes de grandes dimensões, que permitem controlar facilmente as funções de início/paragem e de reposição do cronógrafo. Uma escala de taquímetro de alto contraste permite uma excelente legibilidade dos registos de velocidade. A sóbria bracelete em pele bovina inspirada no mundo das corridas deixa o protagonismo para o herói — o mostrador — enquanto os logótipos da Breitling e da Triumph estão situados nas posições das 12 e 6 horas.  Tal como no modelo original, o diâmetro de 41 mm ajusta-se na perfeição ao pulso de homens e mulheres. ​
Para os fãs da Triumph, o Top Time Triumph é um acessório indispensável, mas não se preocupe: para ter este atrativo exemplar, não tem de ser proprietário de uma das extravagantes motos da marca britânica. ​

Key features

Material da caixa
Aço inoxidável
Estanquidade
3 bares
Diâmetro
41,0 mm
Espessura
14,2 mm
Peso do produto (aprox.)
97,0 g
Reserva de marcha
Aprox. 48 horas